Buscar
  • nefrobaracat

Vitamina D: Moda ou ciência


Moda ou Ciência: Vitamina D. Nem muito, nem pouco!⁣ ⁣ A vitamina D está presente em nosso metabolismo para dar equilíbrio ao cálcio, fósforo e ao metabolismo ósseo. Sua “fabricação” depende da exposição solar assim como do funcionamento de dois outros órgãos, em seqüência: fígado e rim, respectivamente.⁣ ⁣ Nestes últimos anos começamos ouvir sobre a sua importância dentro de um contexto imunonólogico e inflamatório. Alguns especialistas iniciaram, “off label”, tentativas de apaziguar surtos inflamatórios e de atividade auto-imune (Lúpus e Esclerose múltipla) com altíssimas doses de Vitamina D, superando 30 a 35 vezes suas doses habituais.⁣ ⁣ Além disso, tornou-se extremamente fácil a aquisição deste produto nas “prateleiras” de farmácias, sem qualquer prescrição médica. Dietas que são praticadas por “Bodybuildings” sem qualquer esmero perante a dose e aos seus efeitos colaterais, buscando apenas o “corpo perfeito”. Tudo isto que foi supracitado tem sido um marco gigantesco na saúde publica e vem trazendo prejuízo a saúde daqueles que não tem supervisão médica ou pelo menos bom senso.⁣ ⁣ Nós nefrologistas encontramos desde complicações cardiovasculares severas, como calcificações de artérias coronarianas e carótidas, assim como deposito de cálcio em tecido cerebral e rim.⁣ ⁣ Crises epiléticas assim como insuficiência renal grave (nefrocalcinose) vem emergindo na comunidade usuária desta vitamina. A ciência até o momento não comprovou sua segurança e eficiência, e mesmo assim alguns especialistas mantém intima relação com doses altas em seus receituários.⁣ ⁣ Precisamos ter cautela quanto aos exageros.⁣ ⁣ #drbaracat #medicina #nefrologia#nefrologista #saude #bemestar #medico #especialista #rins #diabetes #nefrites #sistemaurinario #hemodialise #pressaoalta #transplanterenal #dicas #informacoes #consultas


2 visualizações

© 2018 - Overall Digital Agency